• Projeto Chōchō

    6 Técnicas para construir habilidades de leitura - em qualquer assunto

    Os alunos precisam de boas habilidades de leitura, não apenas em português, mas em todas as disciplinas. Aqui estão algumas formas de ajudá-los a desenvolver essas habilidades.


    Como ávidos amantes da literatura, os professores muitas vezes se vêem querendo transmitir todo o conhecimento sobre um texto amado aos seus alunos.


    A leitura é o caminho mas rápido para o aprendizado e a fixação do conteúdo. Veja abaixo, dicas de como estimular o hábito da leitura em seus alunos.

    E isso não é apenas uma questão somente de português e literatura - em outras disciplinas também há a necessidade de leitura e compreensão de textos.


    No entanto, estimular habilidades de leitura em sala de aula (e fora dela) é uma maneira quase garantida de ajudar os alunos a reter o conteúdo. Infelizmente, a maioria dos estudantes tem muita dificuldade para se concentrar no conteúdo da leitura, sendo esta falta de atenção um verdadeiro inimigo para o objetivo final na construção do conhecimento e para a interpretação daquilo que se lê.


    Sem um repertório de estratégias de leitura possa ser aplicado a qualquer texto, os alunos saem prejudicados em sua educação. A fim de ensinar os alunos a ler de forma eficaz, os professores devem ter certeza de que eles não são simplesmente fornecedores de informações sobre um determinado assunto, mas também instrutores de técnicas para desenvolver habilidades de leitura que possam ser aplicados a qualquer área de conhecimento, como geografia, história e línguas .


    LEIA MAIS 5 dicas (e um bônus) para tirar as crianças da frente de celulares, tablets e TV’s


    Aqui estão algumas idéias sobre como incorporar lições de habilidades de leitura em um currículo.

    ENSINE HABILIDADES DE LEITURA PRÓXIMAS

    Guie os alunos na anotação, orientando-os a fazer mais do que destacar ou sublinhar. Incentive os alunos a conversarem com o texto fazendo anotações no texto enquanto estiverem lendo - isso mantém os alunos envolvidos e, muitas vezes, aumenta a compreensão. As anotações podem incluir:



    A lista de possibilidades é interminável - o ponto é que os alunos formem seu próprio processo para ajudá-los a se concentrar. As anotações também ajudam os alunos a identificar quais estratégias funcionam melhor para eles enquanto tentam processar e entender as informações.

    LEIA MAIS 4 etapas para desenvolver a resiliência dos seus alunos


    APELO AOS SENTIDOS

    Enquanto a leitura é o trabalho da mente, incorporar os sentidos fornece um reforço extra para os estudantes que ainda estão desenvolvendo suas habilidades.


    Ler as passagens em voz alta e verbalizar as perguntas que você faria mentalmente durante a leitura pode ser um grande benefício para os alunos. Os alunos muitas vezes não têm ideia de como fazer perguntas, que tipo de perguntas fazer ou a frequência das perguntas, então modelar essa habilidade é muito importante.


    Isso pode ser ainda mais reforçado, especialmente para os pessoas com memória visual, usando um retroprojetor ou projetor multimídia, para escrever perguntas e marcar palavras-chave enquanto lê junto com os alunos.


    ORIENTAR OS ALUNOS NA DEFINIÇÃO DE METAS DE LEITURA

    Embora as metas de redação sejam usadas regularmente na sala de aula, os alunos não avaliam as habilidades de leitura pessoal regularmente.


    Comece o ano fazendo com que os alunos escrevam a biografia de um leitor para obter informações sobre seus hábitos de leitura, lutas e sucessos; isso serve como base para discussões sobre a definição de metas de leitura.


    Depois de ler um romance, texto de não-ficção, conto ou poesia, ajude os alunos a avaliar suas habilidades de leitura: "Você se sentiu confiante lendo o texto? Por que ou por que não? Quais partes do texto lhe causaram problemas? Você poderia ter usado uma estratégia diferente para facilitar a leitura do texto?".


    Os alunos devem avaliar as metas regularmente e criar novas metas com base em suas necessidades e crescimento.

    VARIAR O COMPRIMENTO DO TEXTO

    Ao abordar um texto particularmente difícil, divida-o e ofereça-o em segmentos mais curtos. Os alunos muitas vezes desanimam com textos longos que exigem concentração intensa. Dar segmentos menores permite que os alunos digam pedaços em pedaços, adquiram vocabulário acadêmico e criem confiança.


    OFERECER OPORTUNIDADES PARA ESCOLHA DA LEITURA

    Simplificando, a melhor maneira de melhorar a leitura é ler, e os alunos são mais propensos a ler quando têm uma escolha na leitura. Universia e a Biblioteca Brasiliana oferecem uma variedade de imensa de livros para download grátis (o Universia, por exemplo, reúne mais de 1.000 arquivos, incluindo biografias de cineastas, textos científicos sobre comunicação e clássicos da literatura universal).


    Bibliotecas de sala de aula criadas a partir de doações, vendas de garagem e brechós incentivam os alunos a levar livros para leitura pessoal. Pergunte aos alunos sobre seus interesses e faça recomendações. A leitura por prazer cria habilidades transferíveis para a leitura de conteúdo e deve ser incentivada, inclusive na aula.

    LEIA MAIS Por dentro da criança impulsiva: 8 dicas para ajudar as crianças a treinarem o autocontrole.


    AVALIE O CONTEÚDO E A HABILIDADE

    Os alunos devem ser capazes de demonstrar suas habilidades na avaliação, seja formal ou informal, formativa ou somativa.


    Questões de "recordação" e "compreensão" são uma boa maneira de verificar a compreensão básica, mas os professores devem passar para as questões mais difíceis de "como" e "por que".


    Escolha atividades que exijam que os alunos mergulhem fundo em um texto, como:


    • Fomente um debate em roda sobre o tema do livro.

    • Crie uma lista de reprodução para um personagem.

    • Escreva um ensaio formal.

    • Faça um meme para um personagem.

    • Apresentar uma palestra sobre a pesquisa inspirada em um texto.

    • Crie um mapa mental literário 3x3, ou infográfico.


    A maioria dos professores já incorpora habilidades em suas aulas em algum grau, no entanto, dedicar tempo para discutir e envolver ativamente os alunos no processo manterá o desenvolvimento de habilidades à frente da aprendizagem.


    Os resultados serão alunos, que não apenas obterão ganhos em leitura, mas também entenderão como se tornar melhores leitores.


    Fonte: Projeto Chōchō

    33 visualizações

    © 2020 Projeto Chōchō